null: nullpx
Todas as Flores - Zappeando

De volta às novelas, Sophie Charlotte garante que "Todas as Flores" transformou a sua vida

Atriz estava distante do gênero desde 2015 e a sensibilidade com a qual interpretou deficiente visual vai ficar marcada
Publicado 14 Out 2022 – 04:38 PM EDT | Atualizado 14 Out 2022 – 04:38 PM EDT
Compartilhar
Default image alt
Maíra (Sophie Charlotte) em "Todas as Flores" Crédito: Globo/Estevam Avellar

Sophie Charlotte é a protagonista de "Todas as Flores", primeira novela produzida para o Globoplay, comemorando o retorno ao gênero no papel desafiador de Maíra, uma jovem sonhadora e deficiente visual, que sofre o desprezo da mãe. Em coletiva para a imprensa, da qual o Zappeando participou, a atriz afirmou que a novela transformou a sua vida de vez.

Sophie Charlotte fala sobre papel de Maíra em "Todas as Flores"

Criada pelo pai, Maíra tem deficiência visual e cresceu sem saber a verdade sobre a mãe, Zoé (Regina Casé), que a abandonou quando nasceu. Anos depois, as duas se reencontram e começam a conviver como família.

O problema é que a motivação de Zoé para levá-la para casa é a doença rara com que Vanessa (Letícia Colin), irmã da mocinha, é diagnosticada, fazendo com que Maíra seja uma boa opção para salvá-la da leucemia.

Sophie ficou um bom tempo sem fazer novela, desde o fim de "Babilônia" (2015), ganhando mais afinidade com o streaming, onde se destacou em "Ilha de Ferro" (2018), "Todas as Mulheres do Mundo" (2020) e "Passaporte para a Liberdade" (2021).

Sobre a pausa das novelas, Sophie afirma que não foi planejado, mas sempre era questionada se não pretendia voltar. "Essa novela antes era para a TV aberta, depois foi para o streaming. Agora eu vou fazer novela, mas vou continuar no streaming, as duas coisas se uniram".

"Eu estou empolgada para entender a dinâmica sendo liberados 5 episódios por semana. Vai ser a primeira vez que vou trabalhar assim, quero entender como vai ser esse diálogo com o público", comentou a atriz. "É bom explorar essa possibilidade, vai ser um caminho novo, mas eu estava com saudade já! Comecei a fazer novela com 17 anos".

Elogiada por praticamente todo o elenco pela sensibilidade com que deu vida para Maíra, contando com apoio da produção formada por PCDs, Sophie afirma: "A Maíra foi uma transformação imensa na minha vida".

"Ter a oportunidade de entrar em contato com PCDs, deficientes visuais, no dia a dia, nessa vivência, na construção da personagem, tem sido uma transformação para sempre".


A atriz afirma que a experiência nos bastidores foi um divisor em sua carreira e, além de apoiar a causa anticapacitista hoje, acredita que nunca mais vai ser a mesma. "Eu consegui entender nessa prática a importância de pessoas que não convivem com a deficiência na luta anticapacitista no mundo".

A partir de 19 de outubro, "Todas as Flores" fica disponível no Globoplay, ganhando 5 episódios por semana.

"Todas as Flores"

Compartilhar

Mais conteúdo de interesse