null: nullpx
Fuzuê

Nero se revolta com agentes da Receita Federal invadindo a Fuzuê: vai acusar César na reta final

Empresário deixa claro que sempre foi honesto nos negócios e que não vai permitir que ninguém consiga incriminá-lo
Publicado 27 Fev 2024 – 08:55 AM EST | Atualizado 27 Fev 2024 – 08:55 AM EST
Compartilhar
Default image alt
Nero (Edson Celulari) em "Fuzuê" (2023) Crédito: Reprodução/Globoplay

Nero (Edson Celulari) fica revoltado ao se tornar vítima de sabotagem de César (Leopoldo Pacheco) nos últimos capítulos de "Fuzuê". O dono da loja é acusado de sonegação de impostos e assiste ao momento tenso em que os agentes da Receita Federal invadem o imóvel para tomar providências. Entenda o que acontece!

Nero responde por sonegação de impostos no final de "Fuzuê"

"Ainda hoje, Nero e a Fuzuê vão cair como um castelo de cartas", comemora César, que faz denúncia anônima, se aproveitando do fato de Francisco (Michel Joelsas) ter caído em armação e prejudicado a empresa.

O herdeiro acabou fechando um negócio ilegal para a empresa, acreditando ser lucrativo, em momento em que Nero estava hospitalizado, depois de apresentar mal-estar ao discutir com César por ter plantado arma na sua sala.


"Aproveitei que o Nero estava fora de combate, com aquele piripaque besta no coração, e chamei um trambiqueiro para oferecer ao Francisco um negócio e tanto! O playboy caiu como um pato!", conta para Preciosa (Marina Ruy Barbosa).

"Aí bastou você fazer uma denúncia anônima para o circo pegar fogo? Que ideia genial", reage a vilã. "A qualquer momento, a Fuzuê vai receber uma visitinha que não vai ser nada agradável", vibra ainda o pesquisador.

Os agentes da Receita Federal não pegam leve ao aparecer por lá. "Senhor Nero de Braga e Silva? Nós recebemos uma denúncia anônima e a cópia de uma papelada sobre sonegação de impostos na Fuzuê".


"Aqui está o mandado de busca e apreensão", acrescenta o agente. Nero fica revoltado: "Eu nunca soneguei impostos em toda a minha vida! Isso só pode ser mais um golpe do César Montebello para me atingir!".

"E eu não vou admitir falsa acusação. Não vou!", reforçou ainda. Mais para a frente, Nero confirma que Francisco cometeu deslize que resultou na armação de César, correndo para tentar provar a inocência frente à acusação.

Últimos capítulos de "Fuzuê"

Compartilhar

Mais conteúdo de interesse