null: nullpx
Família É Tudo

Ana Hiraki faz primeira vilã em "Família é Tudo": se inspirou em frase de Gloria Pires para defini-la

Protagonista de Ana Hikari, Mila é amante de Hans, sonha em se casar com ele e acaba enfrentando conflitos familiares
Publicado 28 Fev 2024 – 02:42 PM EST | Atualizado 28 Fev 2024 – 02:42 PM EST
Compartilhar
Default image alt
Ana Hikari como Mila em "Família é Tudo" (2024) Crédito: Reprodução/Instagram (@tvglobo)

Ana Hiraki vai interpretar a sua primeira vilã em "Família é Tudo", nova novela das 19h na Globo, onde faz o papel de Mila, amante de Hans, interpretado por Raphael Logam. A atriz admitiu ter se inspirado nas antagonistas de tramas como "Vale Tudo" (1988) e "Todas as Flores" (2022) e se inspirou em uma frase de Gloria Pires para definir sua personagem.

Ana Hikari vive primeira vilã da carreira em "Família é Tudo"

Durante coletiva de imprensa que o Zappeando participou, Ana Hikari compartilhou que as expectativas estão altas para a estreia. "Minha primeira vilã! Estou muito animada para fazer essa vilãzona".

"O mote da novela é família, é justo uma vilã que tem muitos conflitos familiares. Uma parte da maldade, da vilania dela, vem de questões familiares. Explica, mas não justifica as maldades que ela faz por aí".

Em "Família é Tudo", Mila sonha em um dia se casar com Hans, trabalhando como secretária na Mancini. A protagonista almeja ser a primeira-dama do lugar e é a confidente do chefe.

Filha de Furtado (Claudio Torres Gonzaga), Mila não é próxima do pai, já que ele é pobre e dono de pensão na Zona Leste de São Paulo. Ana Hikari usou uma frase de Gloria Pires para definir a sua vilã.


"A Gloria falou: 'Eu não acho que ela seja ruim, eu acho que ela é só obstinada e amoral'. Aí eu falei: 'Ai, vou pegar essa frase pra mim'. Acho só que ela é obstinada, entendeu?", relembrou a atriz sobre "Vale Tudo".

"Mila é obstinada, não é que ela é ruim. Ela tem um objetivo que quer conquistar, ela é um pouco amoral para poder chegar nesse objetivo, de conquistar e casar com esse cara ou conquistar essas coisas materiais que ela deseja".

Além de Gloria Pires em "Vale Tudo", onde fez o papel de Maria de Fátima, Ana também se inspirou em Letícia Colin, que brilhou com Vanessa em "Todas as Flores", além de levar algumas outras referências para compor sua primeira vilã.

Quase simultaneamente à estreia de "Família É Tudo", a atriz volta à pele de Tina na última temporada de "As Five", seriado derivado de "Malhação - Viva a Diferença" (2017), que retorna com novos episódios no Globoplay.

"Família é Tudo"

Compartilhar

Mais conteúdo de interesse