null: nullpx
entretenimento-Zappeando

Ritchie acaba com polêmica sobre "Menina Veneno": "Para quem insiste que canto errado"

No Twitter, o cantor esclareceu se o certo é "cor de carmim" ou "cor de carne"
Publicado 1 Nov 2023 – 10:57 AM EDT | Atualizado 1 Nov 2023 – 10:57 AM EDT
Compartilhar
Default image alt
Ritchie e a letra original de "Menina Veneno" Crédito: Reprodução/Instagram (@richardcourt) | Reprodução/Twitter (@ritchieguy)

Fonte de muitas dúvidas, a letra da canção “Menina Veneno” veio à tona recentemente pelas mãos do próprio intérprete, o cantor Ritchie, que acabou de vez com a polêmica. Entre o público, a letra já foi muito discutida devido à dúvida sobre Ritchie cantar “cor de carne” ou “cor de carmim” - e, no Twitter, ele esclareceu a polêmica.

Ritchie acaba com polêmica sobre letra de "Menina Veneno"


Usando o Twitter, o cantor Ritchie, intérprete de “Menina Veneno”, trouxe à tona a polêmica letra da música para esclarecer uma dúvida de anos. Isso porque, desde a época em que foi lançada, em 1983, muita gente canta “abajur cor de carne”, enquanto outros afirmam que o correto seria “cor de carmim” - e, na rede social, ele explicou a verdade.

“E para você que ainda insiste que estou cantando de forma errada a minha própria música (com versos primorosos do poeta carioca da gema Bernardo Vilhena), segue imagem da contracapa do meu 1º compacto simples, lançado há 40 anos, onde aparece a letra correta. De nada!”, escreveu ele junto de uma foto onde é possível ler “cor de carne” no trecho polêmico.


Nas respostas ao post, internautas discutiram a questão e alguns até se surpreenderam. “Fonte?”, pediu um internauta, que foi respondido por Ritchie. “Serve o compositor da música?”, questionou o cantor. “É muito mais poético que ‘cor de carmim’”, opinou outro. “Claro! As aulas de poesia fazem uma falta no currículo escolar”, disse Ritchie. “Eu cantei certo a vida inteira e me fizeram acreditar que estava errada”, disse outra. “O pior é isso. Terrorismo literário!”, disse ele.

Entretenimento

Compartilhar

Mais conteúdo de interesse