null: nullpx
Famosos-Zappeando

Sobrinha de Roberta Close é uma das apostas de "Verdades 2": conheça Gabrielle

Publicado 21 Set 2021 – 04:35 PM EDT | Atualizado 21 Set 2021 – 04:35 PM EDT
Reações
Compartilhar

Sobrinha transgênero de Roberta Close, a atriz Gabrielle Gambine está no elenco de "Verdades Secretas 2" — continuação da premiada trama de Walcyr Carrasco, com direção de Amora Mautner. A produção será lançada ainda em 2021 na plataforma de streaming da Globo, o Globoplay.

Aos 23 anos, Gabrielle é uma das grandes apostas da atração e promete apresentar uma personagem marcante em sua primeira experiência na dramaturgia. Saiba mais detalhes abaixo!

Gabrielle Gambine em “Verdades Secretas”

Gabrielle Gambine trabalha como modelo há cinco anos e já participou de diversas campanhas publicitárias. Hoje, aos 23, ela fará a sua grande estreia na TV. Em entrevista ao VIX, a atriz conta detalhes sobre a sua personagem de “Verdades Secretas 2” — uma modelo que trabalha na conhecida agência da trama — e ressalta a importância da representatividade no meio artístico.

"Minha personagem é uma modelo que saiu do Rio de Janeiro e foi para São Paulo em busca de uma condição de vida melhor e da possibilidade de capitalizar através dessa oportunidade, para ajudar a família com quem teve uma ruptura precoce", revela Gabrielle.

"Ela também sabe da importância de aumentar a representatividade de modelos fora do ideal de beleza antigo, é determinada e está sempre por dentro de todas as fofocas, festinhas e submundo", completa.

Em sua primeira experiência na dramaturgia, Gambine pretende usar a atuação como uma plataforma de inclusão e respeito às pessoas trans e travestis. A atriz, inclusive, destacou a diversidade do elenco de “Verdades Secretas 2” e se mostrou feliz ao ver essa mudança — um passo extremamente importante para a representatividade LGBTQIA+ na TV.

"Hoje existe uma consciência maior do peso que é trazer esses artistas, para repensarmos juntos estruturas de poder. Quando temos diversidade nos castings, a moda e a mídia cumprem seu papel. Afinal, a beleza é plural", comenta Gabrielle ao VIX.

Na televisão, representatividade é essencial para que o público tenha referências, mas ainda há um longo caminho a ser percorrido na luta pela diversidade. As portas, no entanto, se abrem cada vez mais para que essas questões evoluam.

"O audiovisual e a moda têm o poder de abrir discussões que, muitas vezes, ainda são tabus. Quando o grande público vê pessoas trans sendo amadas, respeitadas e construindo histórias fora da marginalidade, fortalecemos esse imaginário", diz Gabrielle.

"Isso nos motiva a continuar em movimento, buscando reafirmar nossa humanidade e dignidade na sociedade. Queremos ser percebidos e, sobretudo, respeitados. Referências podem plantar uma semente para que outras se posicionem contra a transfobia e a LGBTQIA+fobia", completa a atriz.

Mais sobre "Verdades Secretas"

Reações
Compartilhar

Mais conteúdo de interesse