Lucas Lucco revela transtornos e uso de remédios: entenda o que aconteceu com ele

por | jun 30, 2016 | Entretenimento

Cantor e ator, Lucas Lucco conquistou milhares de fãs com suas músicas e agora também como o Uodson de “Malhação – seu lugar no mundo”. No entanto, todo esse sucesso não trouxe para a vida dele apenas coisas boas. Foi o que ele revelou em um post no seu Instagram, falando sobre transtornos mentais e dependência de remédios controlados.

Leia também:
8 coisas que você precisa saber sobre Lucas Lucco
Saiba como identificar a atuação dos medicamentos pela cor da tarja
Sintomas da depressão: como identificar?

desabafo de Lucas Lucco aconteceu depois que ele faltou a um compromisso na cidade de Curitiba, onde participaria da gravação do DVD da produtora da dupla sertaneja Fernando e Sorocaba, junto com vários outros famosos. Ele começou explicando que, por causa de uma chuva, não havia condições para voar. “Mas o pior não é isso. O pior está dentro de mim. Uso remédios para conseguir voar, remédios para dormir, para acordar, para me manter calmo, para conseguir ficar dentro de um hotel…”, disse.

Em seguida, explicou sobre sua vida atualmente, longe da cidade natal onde nasceu, no interior de Minas Gerais. “Ainda não aceitei que eu não sou mais aquele menino do interior. São mais de três anos sem praticamente ter um momento para mim e para minha família. Hoje moro numa cidade grande e não vejo meus familiares há um ano. E vocês sabem, nenhum deles é eterno”, publicou.

Ele disse ainda que ama o que faz, mas que se sente triste com todas essas coisas. Leia o post completo:

“Eu poderia fazer uma nota de esclarecimento como todo artista faz quando não comparece a um show. Quero falar sobre o que a maioria não vê e deixar um pouco de lado o “artista” Lucas Lucco e falar como Lucas. Ontem aconteceu a gravação do DVD da FS produções, em Curitiba, com a participação de vários grandes artistas com quem eu tenho a honra de trabalhar. Eu saí de casa ontem chorando muito sem motivo específico, deixei meus pais preocupados e não quis dizer nada. Fui em direção ao aeroporto e no caminho começou a chover forte. Não existia condições pra voar. Mas o pior, não é isso. O pior, tá dentro de mim. Uso remédios pra conseguir voar, uso remédios pra dormir, pra acordar, pra me manter calmo, pra conseguir ficar dentro de um hotel… Eu saí de Patrocínio interior de Minas Gerais e eu ainda não aceitei que eu não sou mais aquele menino do interior. São mais de 3 anos sem praticamente ter um momento pra mim e pra minha família. Hoje eu moro numa cidade grande, não vejo meus familiares há um ano, minha avós, meus avôs… E vcs sabem, nenhum deles é eterno. E isso martela na minha cabeça o tempo todo. Me sinto distante de Deus mesmo falando com ele diariamente como sempre fiz. Desenvolvi síndromes, saudade acumulada, medo acumulado, trabalho acumulado… E meu coração e minha cabeça só ficam em paz quando eu estou cantando no palco, gravando as cenas da novela ou em casa com minha família. Eu amo o que faço mas essas coisas que surgiram em mim estão me deixando muito triste. Peço desculpas a todos, de coração, lamento muito, aos profissionais envolvidos, aos fãs e ao público de Curitiba. Com certeza foi um dvd lindo! Estou lutando pra reverter esse quadro o mais rápido possível, tenho fé! Um beijo. Fiquem com Deus.”